Notícia

10 de Fevereiro de 2017
CDL une classe produtiva em prol do funcionamento do Aeroporto

A Câmara dos Dirigentes Lojistas de Mossoró realizou uma reunião para discutir o andamento do projeto de funcionamento do Aeroporto Dix-sept Rosado com diversos segmentos da sociedade. O encontro foi realizado na noite desta quinta-feira, 09, na sede da CDL.

O secretário do Desenvolvimento Econômico da Prefeitura Municipal, Lahyre Neto, o supervisor administrativo do Aeroporto, Diomar Freire, representantes da Associação Comercial Industrial de Mossoró (ACIM), Sindicato do Comércio Varejista (Sindivarejo), Sindicato da Construção Civil (Sinduscon) e lojistas em geral participaram do encontro.

O Governo do Estado entregou em janeiro uma reforma no aeroporto, que pretendia suprir as necessidades para o início do funcionamento do local. Porém, uma lista com mais de 30 itens indicados pela Agência Nacional de Aviação Civil, Azul e Corpo de Bombeiros ainda precisa ser cumprida para a liberação dos voos comerciais.

A Azul Linhas Aéreas anunciou para abril o início das operações de voos em Mossoró. Com o prazo apertado, a classe produtiva teme a não resolução dos itens apontados e se reuniu para buscar o cumprimento da lista. 

“Esta é uma grande oportunidade para o município e todos nós, unidos, temos que abraçá-la. A Prefeitura está disposta a ajudar dentro de suas possibilidades e abertura legal. Porém, é preciso dialogar com o Governo do Estado, responsável pelo Aeroporto, para resolver essa situação e garantir os voos”, disse Lahyre Neto.

Getúlio Vale, presidente da CDL, reafirma que a volta dos voos comerciais em Mossoró vai fortalecer diversos segmentos da economia local, gerando emprego e renda para a cidade. Neste sentido, é importante que os comerciantes se mobilizem para cobrar resultados.

“Formaremos uma comissão, com representantes de várias entidades, Prefeitura Municipal, Deputados e todos que desejarem se juntar a causa, e solicitaremos uma audiência com o governador para que essas demandas sejam resolvidas. Mossoró merece e precisa do aeroporto em funcionamento”, concluiu o presidente.

Getúlio Vale, presidente da CDL, falando sobre a importância que os voos trarão para Mossoró


Autor: Assessoria de Imprensa


WhatsApp

Outras Notícias